sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Compra: Cemig - CMIG3, estratégia de aporte mensal e Dividendos da Eternit


Fiz minha última compra deste mês. Mais Cemig.
Maioria correndo das elétricas e eu no sentido contrário.
E as últimas notícias da Cemig foram boas.



Pretendo fazer sempre 2 aportes mensais. É uma estratégia
para não pagar a custódia do Directainvest (antiga Banif).
Duas compras mensais de ações fracionárias com o meu humilde aporte mensal
consigo pontos para insentar esta taxa. Menos uma despesa.

Pretendo sempre fazer uma compra no ínicio e outra no meio do mês.

Estou pensando em sempre fazer estas 2 compras em uma mesma ação.
Mas não conclui se esta idéia de mesma ação é realmente boa, se vai fazer alguma diferença. Talvez é até melhor comprar 2 diferentes, para diversificar e aproveitar alguma queda de alguma outra ação.
Aceito sugestões sobre isto.

Os dividendos da Eternit caíram hoje e foram reinvestidos nesta compra.

24 comentários:

  1. Pq a compra da OIBR4?

    abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo,

      Foi quando quis diversificar em vários setores que comprei a OIBR4.
      Resolvi diversificar o setor de telecomunicações com pelo menos 2 empresas.A Vivo e a OI.
      Parece que não foi uma boa escolha eu ter comprado.
      O pessoal não acha ela uma boa.
      http://www.bastter.com/mercado/acao/OIBR.aspx

      E todo mundo fala mal dos serviços.
      De qualquer forma, no momento não pretendo vender o que eu já tenho dela.

      Não aconselho ninguém a copiar minha carteira.
      Eu diversifico em várias empresas por realmente ser um amador no mercado.

      abs!

      Excluir
  2. Eter3 é uma das que estão na minha lista de favoritos. Cemig e outras elétricas eu to sondando.

    Pelo menos 2 anos ainda tem de duração nas concessões, não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eter3 ando gostando dela e do que falam sobre ela.

      Sobre concessões, fico pensando... Se não renovarem, vão fazer o que?
      Vamos voltar a usar velas? Quem vai substituir a CEMIG ou a Eletropaulo, por exemplo? Uma fábrica da esquina vai começar a produzir energia elétrica? Creio que não.rs

      abs!

      Excluir
    2. É exatamente isso que fico pensando. As noticias são de que a renovação é mais que certa, mas talvez os lucros sejam menores, ações caem e dividendos pode ficar fracos...

      Para quem tá no curto prazo, pode ser complicado. Mas minha ideia é focar exclusivamente no longo prazo.

      Excluir
    3. Pois é Aportador.
      Vou copiar e colar o que eu já até comentei em um outro post:

      "Tb acho que este "problema" (que não é, pois podemos comprar mais barato") das elétricas é passageiro.

      Dá uma olhada nesta tabela, com dados históricos do Índice de Energia Elétrica - IEE desde 1994:
      http://www.bmfbovespa.com.br/indices/ResumoTaxaMediaCrescimento.aspx?Indice=IEE&idioma=pt-br

      Imagino que de 1994 até hoje, foram diversas "crises". A taxa média histórica considero muito boa. "



      Tb acho que longo prazo será bom. De qualquer forma, vale a pena diversificar em outras empresas tb.

      abs!

      Excluir
    4. Amigos, trabalho na CEMIG desde 1986, estou quase aposentando, e olha nesse período todo eu nunca presenciei a empresa tão bem das pernas como agora, eu sempre recebo os avisos interno do que ela pretende fazer e tudo indica que ela está sondando e comprando empresas para que futuramente ela não dependa tanto dos ativos que ela tem agora, se por ventura ela perder essas concessões (usinas) terá outros ativos para cobrir o rombo. Eu continuo a comprar e sem medo, pois estou lá dentro e sei como as coisas funcionam, não tenho medo, ela está muito barata pra ficarmos medo, coragem os lucros estão logo ali na esquina, coragem!

      Excluir
    5. Lêniton,

      Obrigado pelo comentário do seu ponto de vista "interno" da CEMIG!
      abs!

      Excluir
  3. Eter3 está em uma situação um pouco delicada com o problema do amianto, mas está em constante crescimento.

    É uma ação que tem seus riscos.

    uta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. A questão do amianto assombra a empresa. Mas o que ando lendo na internet é que a empresa está tomando as medidas possíveis para amenizar o impacto.

      Toda ação tem seus riscos. Por isso que prefiro diversificar em várias empresas. Atualmente tenho uns 11% do meu capital nela. A tendência é diminuir com a compra de outros papeis.

      abs!

      Excluir
    2. Más já faz anos que as telhas são produzidas sem amianto não??

      Excluir
    3. Anônimo,

      Copiei lá do site do Bastter:
      http://www.bastter.com/mercado/acao/ETER.aspx
      Costumo ler sobre as empresas por lá.
      Segue abaixo.


      "Bom dia, Venho acompanhando a delicada questão do amianto e seus impactos para nossos investimentos. Gostaria de conhecer os planos da atual administração para o caso da proibição com prazo determinado e também para a proibição imediata, assim como informações sobre a previsão do impacto sobre o faturamento e possíveis reduções da margem de lucro em função da substituição da crisotila por outras fibras com maior custo. Desde já agradeço"

      RESPOSTA:
      Agradecemos o seu contato com a Eternit.



      Com base nos resultados do segundo trimestre de 2012, cerca de 30% do faturamento líquido consolidado está ligado diretamente ao amianto, ou seja, a comercialização da fibra in natura; 50% de produtos de fibrocimento e 20% de novos produtos sem a utilização do amianto.



      Caso haja uma proibição abrupta, o que não se justifica e não faz sentido, a Companhia perderia cerca de 30% do faturamento líquido consolidado referente à comercialização da fibra in natura.



      Independente do que ocorra é importante ressaltar que todo o parque industrial de fibrocimento da Eternit está sendo adaptado para a produção com ou sem amianto, sendo assim, os 50% do fibrocimento com amianto podem ser substituídos por outra matéria-prima.



      A Companhia vem diversificando seu portfólio, onde já representam cerca de 20% do faturamento (2T12). O objetivo é ter produtos do piso ao teto e ter em torno de 50% do seu faturamento, em longo prazo, ligado a diversificação, ou seja, novos produtos. O Programa Estruturado de Expansão e Diversificação trouxe uma gama de novos produtos ao portfólio da Eternit:



      • Louças, assentos e metais sanitários



      • Telhas de concreto e um portfólio de mais de 30 itens de acessórios



      • Filtros e mármore sintético



      A Companhia está convicta de que seus produtos são seguros para a população e que a realização de gestão sustentável em suas unidades, não coloca em risco a saúde de seus colaboradores, é o que aponta a pesquisa realizada por médicos ligados a importantes universidades brasileiras e do exterior, de renome, cujo objetivo, conforme projeto coordenado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq, foi responder como está a saúde da população que utiliza telhas de fibrocimento e de trabalhadores na mineração.



      A Eternit entende que o Supremo Tribunal Federal (STF) irá considerar estas evidências técnicas e científicas para julgamento de mérito, não cedendo a pressões de grupos favoráveis ao banimento do mineral crisotila apenas com base na experiência europeia, que utilizou o amianto anfibólio, extremamente tóxico, sem os cuidados necessários, principalmente sob a forma de jateamento.



      A questão do amianto está no STF e temos que aguardar sua decisão, o que poderá ocorrer ainda este ano ou inicio do ano que vem. Independentemente do teor da decisão do STF, quem é líder no fibrocimento com amianto continuará sendo líder sem amianto.



      Atenciosamente,



      Equipe de RI

      Excluir
  4. Cara, 2 aportes mensais na banif significam 32 paus por mês só de corretagens, sem contar o doc ou ted pra passar o dindin... pq não migra para uma corretora mais barata?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo 32 paus é para 2 aportes de Lotes inteiros (100 ações).
      A compra fracionada é 8 reais, 2 aportes dá 16.

      Não migrei por comodismo mesmo. E não sei como é a "burocracia" da migração... E fico pensando se realmente vale a pena ficar pulando de corretora pra corretora a cada oferta de custo menor. Se compensa a economia.

      De qualquer forma, vc está certo. Há corretoras mais baratas. Muitos blogueiros já citaram a Mirae e outras por aí.

      abs!

      Excluir
    2. Sobre o Doc, consigo fazer uns 2 por mês sem pagar.

      abs

      Excluir
  5. eu também sou do Directainvest.

    ResponderExcluir
  6. Olá, ID! Como eu disse acima, também sou do Directainvest e essa de comprar fracionado e pagar apenas 8 reais eu não sabia. Gostei. Quanto a transferência por Doc ou TED esse é meu problema pois o banco não me liberou a taxa de cobrança; vou insistir mais nesse sentido para diminuir os custos. Um abraço. Penso também em abrir um blog e participar do grupo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo,
      Pois é. As vezes algumas coisas passam despercebido mesmo.
      Dá uma pesquisada ao doc no seu banco.

      Crie um blog mesmo! É muito bom para compartilhar os conhecimentos!

      abs!

      Excluir
  7. Boa tarde investidor Defensivo!

    Irei começar minha "aventura na bolsa" no próximo mês com um aporte inicial de R$ 5.000,00 e aportes mensais de R$ 1.000,00.
    Contudo estou achando as txs de operações bem caras.
    Gostaria de saber se você me indica a spinelli ou a Directinvest como melhor opção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo,

      Infelizmente não posso indicar porque não tenho conhecimento sobre as Corretoras. Nem sei qual é a melhor.
      Uso a Directinvest por comodismo mesmo. Iniciei com ela e estou até hoje. Me atente bem. Mas há outras onde a taxa de corretagem é bem menor.
      O "Alem da Poupança" usa a Mirae.
      http://alemdapoupanca.blogspot.com.br/2012/11/fechamento-novembro-de-2012.html

      Segue uma lista pra vc tb:
      http://www.guiainvest.com.br/corretora/

      Bolsa não é tanta aventura assim...rs

      É mais disciplina e paciência.
      Boa sorte!

      abs!

      Excluir
  8. Vc acha que vale mesmo a pena fazer 2 compras no mês pra deixar de pagar a taxa de custódia?
    Pelo que vi no site, a taxa de corretagem de uma operação no fracionário é de R$ 8,00 e a taxa de custódia é de R$6,90. Vc está perdendo R$1,10 a mais com essa estratégia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mairlo,
      Acho que compensa sim!
      Dê uma lida neste post.

      http://investidordefensivo.blogspot.com/2012/08/qual-o-aporte-minimo-que-compensa.html

      abs!

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Interessante seu ponto de vista, Investidor Defensivo. No entanto, acho que me expressei mal. Fiz essa pergunta porque me deu a impressão que vc começou a fazer 2 compras, única e exclusivamente, para não pagar a taxa de custódia. Logo, vc adicionou um gasto de R$ 7,99 à sua tabela de custos para economizar R$ 6,90, o que dá um gasto adicional de R$ 1,10, ao invés de uma economia.

      Mas, se vc já fazia ou planejava fazer mais de 1 operação por mês com o intuito de diversificar e diminuir seus riscos, acho uma ótima estratégia.

      Grande Abraço!

      Excluir