sábado, 16 de junho de 2012

Invista em saúde

Investir em saúde é basicamente fazer exercícios, comer e dormir bem.
Estou afirmando isso baseado no Nuno Cobra, que treinou o Ayrton Senna.

A jornada de acumulação de capital é longa. Não adiantará ter dinheiro e não ter saúde para poder aproveitá-lo.

Sobre exercícios, se você gosta de correr, por exemplo,  é uma interessante opção para praticar. E com uma grande vantagem financeira. Corrida é um exemplo de esporte que pode não gerar uma despesa fixa mensal, caso tenha um ambiente público disponível próximo.

Quanto menos despesas fixas tivermos, melhor.
Pois maior será nossa capacidade de aportes mensais e menor custo de vida mensal.

Mas caso goste de outro esporte que gere custo, não deixe de fazer por causa disso.
Não seja extremático. Procure uma academia de bom custo/benefício, por exemplo.

Muitos dizem que não tem tempo para praticar exercícios.
Questão de tempo é prioridade.
O que está sendo mais importante do que sua própria saúde?

Lembre-se que a saúde é o nosso maior patrimônio.


Este post é um tópico do Guia da Independência Financeira.

2 comentários:

  1. por isso 5% do meu salario vai para suplementos alimentar hehhehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom vc preocupar com a saúde.
      Uma dica que talvez funcione. E se vc ao invés de comprar suplementos, fizesse uma consulta com uma nutricionista?
      Talvez ela te indique alimentos não industrializados, que são muito mais baratos que suplementos.
      Daria para economizar bem.

      Excluir