terça-feira, 12 de outubro de 2010

Dinheiro. Quando melhor usar ? Hoje ou no futuro ?

Saiu o lote com minha pequena grana do imposto de renda.
Inicialmente penso em guardar a metade para o futuro.
Normalmente invisto no mínimo 10% do salário todo mês.
Quando surge algum dinheiro extra e sempre vem aquela dúvida, se é melhor
guardar para o futuro ou gastar no presente.

Ainda mais complicado se o futuro é daqui a 15..20 anos.
Se for 15 anos, por exemplo, 15 anos atrás tinha 18 anos.Nem tinha entrado na faculdade.
Quanta coisa se passou até hoje! Faculdade, trabalhos, experiências... muita vida. 15 anos é muito tempo! Será que terei saúde ? Estarei vivo ? Meus amigos e parentes estarão vivos daqui a 20 anos ?
Outra questão é se não é melhor usar este dinheiro hoje, para gastar
com algo importante ou para projetos de curto prazo (carro, casa, etc).

Complicado a questão. Ainda mais quando se tem pouco dinheiro para investir.

2 comentários:

  1. O segredo está no equilibrio... Cada um precisa encontrar em si o equilibrio de quanto precisa gastar para não sentir que está deixando de viver. Mas lembre-se sempre gaste menos do que arrecada e o que sobrou INVISTA... Eu sou especulador, quero ter independencia financeira, sei que para isso existe risco e não posso sair gastando... mas esse é o meu equílibrio... Abraços

    ResponderExcluir
  2. Eduardo,
    Esse equilíbrio que é complicado delimitar.
    Pensando um pouco mais aqui, consigo pensar da seguinte forma:

    - Compra de bens materiais (carro, equipamentos eletrônicos,etc) podem ser adiados, pois vc consegue comprar a qualquer momento da vida.

    - Eventos e questões de saúde devem ser os menos regrados, pois não é possível no futuro vc comprar eventos únicos como uma festa importante, uma formatura, uma viagem que só é possível fazer antes de filhos nascerem, etc.
    E também uma ajuda a algum conhecido que está doente.Para estes casos, o dinheiro guardado futuro não adiantará em nada.

    ResponderExcluir