quarta-feira, 30 de abril de 2014

Atualização Mensal: Abril de 2014

Novamente consegui um bom rendimento mensal, mas não consegui superar o ibovespa.
Tenho o objetivo de superá-la no acumulado anual. Ainda temos muitos meses pela frente.

Vamos aos dados!

Minha carteira mensal:  +2,33% x Ibovespa mensal:  +2,40%

Minha carteira anual:  -0,16% x Ibovespa anual:  +0,23%


Composição da carteira atual de ações:

Ativo
Peso
VIVT4
7,42%
CIEL3
6,78%
ETER3
5,76%
CMIG3
5,65%
ITUB4
5,34%
BBDC4
5,26%
ELPL4
5,09%
ABEV3
4,70%
BBSE3
4,66%
EQTL3
4,49%
MDIA3
4,43%
VALE3
4,42%
GETI4
4,35%
UGPA3
4,03%
ODPV3
3,94%
SBSP3
3,89%
CCRO3
3,84%
POMO3
3,52%
GRND3
3,16%
NATU3
3,03%
BBAS3
2,83%
PETR4
2,73%
CMIG4
0,56%
OIBR3
0,09%

Obs: Invisto também em renda fixa, mas faço o acompanhamento apenas das ações.

E agora fiquem com O Rappa - Lado B Lado A



"Eu sou guerreiro, sou trabalhador
E todo dia vou encarar
Com fé em Deus e na batalha
Espero estar bem longe
Quando o rodo passar"



quarta-feira, 16 de abril de 2014

Patreon: Seja o Meu Patrão! (Mais uma opção de segunda renda pela internet)

Patreon é uma forma muito interessante de obter patrocínio e conseguir algum dinheiro via internet.
Já tinha ouvido falar vagamente sobre  ele tempos atrás, mas não tinha dado atenção.

Mas ontem entrei no blog do Corey e li o post dele sobre o assunto e me interessei!

Como gosto de tentar e testar formas de obter mais fontes de renda, ainda mais através internet, criei uma conta no Patreon para mim.
Se tem gente ganhando dinheiro fazendo vídeos para as pessoas rirem, por que eu ou outros blogueiros de finanças não podemos receber por compartilharmos informações para pessoas ganharem dinheiro? Sinceramente, se alguém perguntar para mim se eu quero rir ou ganhar dinheiro, eu acho que ficaria com a segunda opção.rs Mas também gosto de rir, viu pessoal!rs

Na minha página do Patreon tem um link de um vídeo muito bom do Youtube onde Gustavo Horn explica como o Patreon funciona.
É só clicar na imagem para acessá-la!Caso alguém já o utilize, comente aqui no post!

http://www.patreon.com/idefensivo

E clique aqui para baixar um folheto em pdf sobre Patreon.

segunda-feira, 7 de abril de 2014

[Guest Post] A importância do mercado financeiro no financiamento imobiliário

 Este post é um oferecimento do Artur Salles Lisboa de Oliveira ao site Investidor Defensivo.

O Sistema Financeiro Imobiliário.
São autorizadas a operar neste as Caixas Econômicas, os bancos comerciais, os bancos de investimentos, os bancos e sociedades com carteira de crédito imobiliário, as associações de poupança e empréstimo, e as companhias hipotecárias.

Por meio da Lei 9.514, de 20/11/97, foi autorizada a constituição das Companhias Securitizadoras de Créditos Imobiliários, que configuram instituições não financeiras formadas sob a forma de sociedades por ações, cuja finalidade é a aquisição de créditos imobiliários (recebíveis) e a sua securitização na forma de Certificados de Recebíveis Imobiliários.

A emissão e comercialização dos títulos junto ao mercado são de responsabilidade das Companhias Securitizadoras de Créditos Imobiliários, que além da operação de financiamento mencionada também podem emitir outros tipos de certificados, realizar negócios e prestar serviços desde que sejam compatíveis com as suas atividades.

A operação.
Os recebíveis podem ser adquiridos até mesmo no início da obra e securitizados em um CRI com lastro no fluxo de recebimentos futuros. A montagem do título ocorre mediante um percentual de caução e uma fatia para cobrir eventuais inadimplências e descasamento de índice. O restante é direcionado para a construção do empreendimento. O montante captado é liberado para a construtora de forma gradual, acompanhando o fluxo de vendas das unidades.

O modelo exposto funciona como uma conta vinculada com a liberação dos recursos condicionada ao cronograma da obra. Após a entrega das chaves, o fluxo dos pagamentos realizados pelos mutuários retorna para o CRI. Vale ressaltar que todos os créditos utilizam o instrumento da alienação fiduciária, que reduziu o tempo de recuperação das unidades inadimplentes de sete anos para apenas um ano.

Vantagens para os investidores.
A Lei nº 11.033, de 21/12/2004 isenta os rendimentos das Certificados de Recebíveis Imobiliários e das Letras de Crédito Imobiliárias do imposto de renda sobre ganhos de capital para aplicadores pessoas físicas.

Além do incentivo anterior, a Medida Provisória 252, de 15/06/2005, permitiu que a venda de imóveis no valor de até R$ 35 mil e de qualquer montante cuja destinação seja a aquisição de outro imóvel dentro do prazo de 180 dias também fique isenta do imposto de renda sobre ganhos de capital. A MP 252 também definiu que os planos de aposentadoria podem ser utilizados como garantia de financiamentos imobiliários residenciais.


Breve perfil:
Artur Salles Lisboa de Oliveira é administrador de empresas com 7 anos de experiência no mercado financeiro.
Colunista da Revista Exame (Blog Meandros das Bolsas).

quarta-feira, 2 de abril de 2014

Venda: BBDC4 Compra: CMIG3


Vendi hoje parte da ação que tinha em maior peso na carteira, a BBDC4 por R$ 31,31.
Com o dinheiro da venda, dividendos do mês passado e um aporte muito pequeno, comprei CMIG3 por R$ 15,94.

A estratégia continua sendo montar uma carteira de 20 ações, com 5% de participação em cada.
Para balancear, vendo parte da ação que está com maior participação e compro uma que está com menos de 5% de participação.

Efetuo apenas 1 compra e 1 venda por mês.

Pesquisar conteúdo no blog

Carregando...

Arquivo do blog

Guerreiros Financeiros